domingo , 24 setembro 2017

Home » Skatícias » Skatícias #4

Skatícias #4

Publicado Em: 06/10/2012 13:11


Medalha de ouro da Karen Jones (Arquivo pessoal)

Dois grandes eventos marcaram o último final de semana. Um no Brasil e outro na África do Sul. O boletim Skatícias 4 começa pelo Brasil, onde aconteceu a nona edição do Pro Rad, no Ginásio do Ibirapuera. Esse campeonato marcou o início da parceria entre as confederações de Skate e Esportes Radicais, a CBSk e CBER. Transmitido ao vivo pela TV Globo, a final do Skate Vertical teve a vitória do Dan Cezar. O segundo lugar ficou com Pedro Barros e o terceiro com Rony Gomes.
Também houveram competições amadoras de Street e Vertical. No street quem venceu foi Pablo Cavalari e no vertical Raul Roger.
Praticamente não se foi falado, mas nessa edição do Pro Rad aconteceu o histórico primeiro campeonato PROFISSIONAL de vertical feminino. Foram apenas duas competidoras, Renatinha Paschini e Karen Jones, a campeã. Jonz já tem título de campeã mundial e coleciona medalhas nos X Games, mas mostrou muita empolgação por ter ganho a primeira medalha de ouro do skate profissional brasileiro. “Senti um apoio muito grande do público presente, dos competidores e da organização. Mal posso esperar pelo próximo! Grande conquista para o skate”, comemorou a campeã, que espera ter incentivado a nova geração de meninas a andarem no vertical.
Histórica também foi a vitória de Luan de Oliveira na África do Sul. O gaúcho ganhou o cheque de 100 mil dólares no Maloof Money Cup com uma participação brilhante. Luan dominou toda competição e não deixou dúvidas que merecia o prêmio. O street também contou a participação dos brasileiros Fabio Cristiano, João Pedro Oliveira, Alexandre Massoti, Danilo do Rosário, Neverton Casella – que passou para final, mas se machucou nos treinos; Felipe Gustavo e Kelvin Hoefler. O Vertical teve a participação dos brasileiros Bob Burnquist e Marcelo Bastos. A competição foi dividida entre mini-megarrampa e half-pipe, e cada sessão valeu 50% dos pontos. Bob foi o melhor na mini-mega, mas Pierre Luc Gagnon disparou na pontuação do half-pipe, vencendo a prova. O pódio fechou com Bob em segundo e Andy Macdonald em terceiro. Marcelo Bastos acabou em quarto lugar.

De volta ao Brasil, Bob postou a foto do hematoma na perna (fotos: Arquivo pessoal e reprodução)

O skate esteve bastante presente nos noticiários paulistanos nessa semana por causa da reinauguração da Praça Roosevelt. Depois de dois anos e 55 milhões de reais de investimento, até que enfim a prefeitura entregou o espaço à população. Se quisessem construir uma pista de skate não conseguiriam fazer algo tão perfeito, é o comentário que mais se leu. O resultado foi uma invasão de skatistas carentes de picos para andar na Grande São Paulo. Segundo alguns meios de comunicação, isso gerou reclamações de moradores da região e ações da polícia civil metropolitana. Mas antes jovens se divertindo do que usuários de drogas escondidos na penumbra e roubando em volta da praça, como acontecia antigamente. Com ótima iluminação, muita gente passa a noite fazendo sessões na praça.

 

A Blind Skateboards fez uma festa surpresa para Kevin Romar, anunciando sua profissionalização. A celebração contou com discotecagem de Chad Muska e presença dos colegas de time da Blind, Supra e Kr3w, como Steve Williams, Sean Sheffey e Jake Duncombe.

 

Na quarta edição da coluna musical do Kamau na fanpage da Future Skateboards no Facebook: “Eu e o Thiago Garcia sempre ficamos lembrando de nomes de skatistas que muitos já esqueceram e são até engraçados. Um nome que já apareceu várias vezes nessas conversas foi o de Rick Jaramillo. Esse skatista apareceu pra gente num video da Blockhead chamado “Debbie Does Blockhead”. “Debbie Does…” era uma ‘franquia’ do pornô na época e o nome era pra ser engraçado, como o vídeo também era.”

 

A Drop Dead reformou seu Bowl em Curitiba e para inaugurar fez o Drop Dead Bowl, nas categorias Mirim, Iniciante, Augusto Akio Santos no Iniciante, Amador e Open. Os campeões foram Caio Metri no Mirim, Iago Magalhães no Amador e Sinue Ferreira no Open. Assiste aí um pouco de como foi o evento.

A DC Shoes Brasil anunciou a contratação de Felipe Nery. O skatista venceu as edições de 2011 e 2012 do “King of São Paulo”, evento realizado pela marca (Divulgação)

 

No 42° programa Cidade Skate, Luan de Oliveira apresenta a segunda parte da reportagem na pista de Costa Mesa, na Califórnia.

A DC Shoes postou a terceira e última parte do mini-documentário da série Rediscover, com seu skatista Felipe Gustavo. Nesse episódio Bochecha conta como chegou aos EUA, uma história muito curiosa que vale a pena ser assistida (em inglês e português).

Wagner Ramos estrela novo episódio da série City Zen, da Vibe, lançado essa semana.

 

Pelo Instagram Danny Way anunciou que “Waiting for Lightning”, documentário que retrata sua trajetória no skate, estreará nos cinemas dos EUA e estará à venda a partir de 7 de dezembro. (Instagram Danny Way)

 

Skatícia bizarra da semana: Longboarder sendo atropelado por um veado durante competição de downhill nos EUA.

Parte de vídeo da semana: “Patrick Vidal, de Porto Alegre à Maringá”

Making of da semana: Se você já tem mais de 18 anos precisa dar uma conferida como foram feitas as fotos dos shapes Vivid Series, da Mystery Skateboards: http://www.viddler.com/v/ecb39212

Lançamento da semana: A Nike reuniu parte do seu time de skatistas em Nova York para o lançamento do Eric Koston Zoom 2, que chegará às lojas em 2013.

Eric Koston 2 da Nike (Instagram Sean Malto)

Skatícias #4 Reviewed by on . [caption id="attachment_5590" align="alignright" width="200"] Medalha de ouro da Karen Jones (Arquivo pessoal)[/caption] Dois grandes eventos marcaram o último [caption id="attachment_5590" align="alignright" width="200"] Medalha de ouro da Karen Jones (Arquivo pessoal)[/caption] Dois grandes eventos marcaram o último Rating:
asfalto-01
Voltar ao Topo