quinta-feira , 17 agosto 2017

Home » Blog » A versão da Globo para o caso do Rogério Febem

A versão da Globo para o caso do Rogério Febem

Publicado Em: 11/09/2009 22:27


A versão da Globo para o episódio do Rogério Febem sendo agressivamente abordado pelos policiais de Apucarana é muito vaga. Está dentro de uma matéria sobre o uso de câmeras de vigilância para monitorar a cidade.

Eu fiquei com a impressão de que o skate saiu como vilão da história. E talvez esse fosse o objetivo da matéria.

O argumento de que skate danifica o patrimônio público não faz sentido nesse caso. Eu já fui nessa praça faz tempo e nem sei como o Febem consegue escorregar as manobras aí, de tão rústico que o banco é. Nem o ditado “água mole em pedra dura tanto bate até que fura” pode ser comparado ao atrito dos eixos com o banco.

A Globo não muda. Está sempre tentando manipular a opinião pública. É o legado do “Cidadão Kane Brasileiro”, vulgo, “A besta do Jardim Botânico”.

Apucarana tem algumas pistas. Todas feitas na década de 80, quando, segunda uma lenda que escutei, o prefeito espalhou pistas pela cidade à pedido do filho skatista. Infelizmente, as minirrampas foram mal projetadas e o banks da cidade precisa de reformas.

A versão da Globo para o caso do Rogério Febem Reviewed by on . A versão da Globo para o episódio do Rogério Febem sendo agressivamente abordado pelos policiais de Apucarana é muito vaga. Está dentro de uma matéria sobre o u A versão da Globo para o episódio do Rogério Febem sendo agressivamente abordado pelos policiais de Apucarana é muito vaga. Está dentro de uma matéria sobre o u Rating:
asfalto-01
Voltar ao Topo